Slider

Medidas já estão em vigor em Bariri – Divulgação

 

A prefeitura de Bariri publicou decreto para enquadramento do funcionamento de atividades no município com base na fase vermelha do Plano SP, a mais restritiva de todas.

As medidas entraram em vigor nesta terça-feira (26) com restrições para a abertura de alguns serviços não essenciais. Confira:

 

  • Comércio e prestação de serviços: fica suspenso:

* atendimento presencial ao público e restrito a serviços de entrega (delivery) e drive thru (em especial casas noturnas, bares, galerias, academias e centros de ginástica);

* consumo local em lanchonetes, restaurantes,  padarias, supermercados, sorveterias e lojas de conveniência (sem  prejuízo dos serviços de  entrega (delivery)  e  drive thru)

* atividades relacionadas a cinemas, casas de eventos, clubes, associações recreativas, áreas comuns, playground, salões de festas, piscinas e academias em condomínios, feira do artesanato; eventos e recepções;

 

  • Atividades essenciais: atendimento ao público mantido:

– Hospitais, clínicas, farmácias, lavanderias e serviços de limpeza e hotéis;

– Hipermercados, supermercados, mercados, açougues, peixarias,

– hortifrutigranjeiros, quitandas, padarias e centros de abastecimento de alimentos;

– Lojas de venda de alimentação para animais;

– Distribuidores de gás;

– Lojas de venda de água mineral;

– Transportadoras, postos de combustíveis e derivados, oficinas de veículos automotores e bancas de jornal;

– Serviços de segurança privada;

– Meios de comunicação social

– Bancos e instituições financeiras;

– Capacidade de lotação restrita a 50% para atendimento ao público, além de higienização e disponibilização de álcool em gel

 

  • Determinações para serviços essenciais

Horário de funcionamento das 6h às 20h, de segunda-feira a sábado, e das 6h às 13h aos domingos e feriados

– Restringir a entrada e permanência no estabelecimento a uma pessoa a cada    quatro metros quadrados para atendimento ao público;

– Fila de espera com distância de dois metros entre cada pessoa;

– Restringir a compra de itens da cesta básica, de primeiras necessidades e de higiene e limpeza;

– Observar normativas de higiene e limpeza e utilização de máscaras e demais equipamentos de proteção individual;

– O comércio de bebidas alcóolicas somente após as 6h e até as 20h;

– Descumprimento das medidas sujeito à multa de 300 Ufesp, acumuladas com a interdição parcial ou total da atividade e cassação do alvará de funcionamento

 

  • Indústria

– Recomenda-se às indústrias de produtos não essenciais que suspendam atividades, enquanto perdurar a classificação da fase vermelha;

 

  • Espaços Públicos Municipais

– Atendimento presencial ao público limitado a quatro 4 horas diárias, com exceção de serviços de saúde e assistência social;

 

  • Disposições Gerais

– proibido nos espaços públicos: aglomeração de pessoas; o consumo de bebidas alcoólicas; substâncias psicoativas de uso autorizado; e fumígeno, derivado ou não do tabaco.

– obrigatório o uso de máscaras em estabelecimentos comerciais, de serviços e industriais; edifícios e logradouros públicos; e transporte de passageiros;

– Penalidade e sanções: o valor de 50 a 200 Ufesp, considerada a gravidade da infração.