Slider

Além de sinuosidade e falta de acostamento, vicinal tem dezenas de buracos – Divulgação

Quem transita pela Vicinal Alfredo Sormani Júnior, entre Bariri e Bocaina, tem de conviver com dezenas de buracos no pavimento. Isso sem mencionar a sinuosidade da pista e a falta de acostamentos.
Em períodos de chuva intensa os buracos ficam cada vez maiores. No início desta semana, por exemplo, um servidor público estadual entrou em contato com o Candeia. Relatou que ao transitar pela vicinal entortou uma das rodas do veículo ao passar por um buraco.
O diretor municipal de Infraestrutura, Ricardo Maccorin, diz que o serviço de tapa-buraco era para ter iniciado, mas é preciso que as chuvas parem.
Representantes das prefeituras de Bariri e de Bocaina já conversaram a respeito do problema.
A ideia é que as administrações municipais forneçam material e mão e obra para fazer a operação tapa-buraco. Bariri dispõe de usina de asfalto e pode fornecer o piche.