Slider

Santa Casa de Bariri: débito com a concessionária é de R$ 141,4 mil – Divulgação

A CPFL Paulista encaminhou ofício à Câmara de Bariri relatando que desde maio do ano passado a Santa Casa local não tem quitado as contas de energia elétrica.

Assinado pela consultora de negócios da Gerência de Relacionamentos com o Poder Público, Orzila Ortega da Silva, e pelo advogado Camilo Paes de Barros, o documento foi lido na sessão legislativa de segunda-feira (15).

Segundo a concessionária, o hospital não vem pagando as contas desde maio de 2020, mesmo após a empresa ter parcelado o débito vencido até novembro de 2019 e implantar na unidade de saúde projeto de eficiência energética.

O trabalho consistiu na instalação de placas fotovoltaicas para geração de energia e troca de iluminação para redução de consumo, com diminuição no custo de energia.

De acordo com a CPFL, a dívida da Santa Casa com a empresa é de R$ 141,4 mil, sendo R$ 101,4 mil de faturas mensais de energia de maio de 2020 a janeiro de 2021 e mais R$ 40 mil de parcelas vencidas do acordo.

“Por diversas vezes estivemos reunidos com o Hospital juntamente com a Prefeitura, Gestão anterior, a fim de buscar uma solução para a adimplência das contas de energia elétrica vincendas e também para o pagamento em dia do atual acordo, todavia, até a presente data não fora possível solucionar, acarretando mês a mês no crescimento do débito”, menciona o ofício, datado de 9 de fevereiro.

A concessionária requereu da Câmara que sejam tomadas as medidas necessárias para resolução do problema, dentro do papel fiscalizador do Legislativo.

O gestor geral da Santa Casa de Bariri, Mozart Marciano, diz que a questão foi encaminhada para manifestação do setor jurídico do hospital e que está no aguardo do posicionamento.