Slider

Policial ambiental realiza trabalho de fiscalização durante a piracema – Comunicação Social da Policia Militar Ambiental

O 2º Batalhão de Polícia Ambiental da Polícia Militar do Estado de São Paulo, sediado em Birigui e que abrange as regiões administrativas de Araçatuba, Bauru, Presidente Prudente e Marília, informa que a piracema terminou no dia 28 de fevereiro.

No período, houve trabalho preventivo desenvolvido por meio de atividades de educação ambiental, de conscientização das comunidades e da atuação do policiamento ostensivo ambiental, reprimindo e coibindo a prática de infrações penais e administrativas contra o meio ambiente, em particular as decorrentes da pesca irregular.

Na piracema, as equipes do policiamento ambiental dedicaram-se na proteção da fauna.

Entre as diversas ações policiais, destacam-se as 726 atividades de fiscalização de atividades pesqueira, a apreensão de 12.414 metros de redes que estavam sendo utilizadas em pesca predatória, além de 18 embarcações apreendidas e 873 quilos de pescado que, após aprendidos, foram em sua maioria, e após certificação de lauda sanitário, destinados à entidades assistenciais.

Foram ainda lavrados R$ 119.841,00 em multas administrativas por inobservância dos limites impostos pela legislação relativa ao período da piracema.

A PM Ambiental destaca que contribuiu com a manutenção saudável do ciclo natural de reprodução dos peixes da bacia hidrográfica do Rio Paraná.

Mesmo com o término do período de piracema, o órgão continuará desenvolvendo atividades de policiamento ostensivo terrestre e hidroviário.