Slider

Ricardo Prearo – “Independentemente do resultado da eleição da mesa diretora, meu trabalho será sempre pautado na defesa dos interesses da população”

 

Na penúltima edição de 2020, o Candeia entrevista o presidente da Câmara Municipal, Ricardo Prearo (PDT). Segundo ele, que presidiu o Legislativo municipal nos anos de 2019 e 2020, a Casa teve um trabalho positivo neste ano. A partir de 2021, acredita que haverá convivência mais harmoniosa entre os vereadores. Prearo foi um dos três vereadores da atualidade a ser reeleito. Com o nome cotado para continuar a presidir a Câmara de Bariri no biênio 2021-2022, o vereador do PDT diz que as articulações estão em andamento e que pretende realizar um trabalho em prol da população e não de grupos políticos. Prearo foi eleito vereador pela primeira vez em 2008 e reeleito nas disputas seguintes. Também foi presidente da Casa de Leis no biênio 2011-2012.

 

Candeia – Como presidente da Câmara de Bariri no biênio 2019-2020, que balanço faz do trabalho do Legislativo nesta legislatura?

Prearo – Nesses dois anos em que presidi a Câmara Municipal, foram analisados, em plenário, 377 projetos e terminamos o ano com pauta limpa. Acredito que o resultado é positivo, abrimos o diálogo para todos, importantes debates foram colocados em discussão e tudo foi votado com ampla análise.

 

Candeia – Somente três dos nove atuais vereadores conseguiram a reeleição. O senhor é um deles. Como avalia esse resultado?

Prearo – Vejo com naturalidade. Nas últimas três eleições, os números são parecidos, com renovação de 70% das cadeiras. Minha reeleição foi um reconhecimento do eleitor ao meu trabalho desenvolvido ao longo dos últimos anos. Trabalho este sempre pautado na responsabilidade e seriedade.

 

Candeia – Qual sua expectativa com a nova composição da Câmara a partir de 2021 e que relacionamento espera entre Executivo e Legislativo?

Prearo – Acredito que teremos uma Câmara de vereadores com muita vontade de trabalhar, com pessoas verdadeiramente empenhadas, uma convivência mais harmônica entre os membros, voltada para o interesse e o progresso de nossa cidade.

 

Candeia – Seu nome é cotado para ser presidente do Legislativo a partir de janeiro. Como está essa composição de nomes? Há chapa montada para a disputa da Mesa Diretora?

Prearo – Fico feliz em ser lembrado pelos colegas para compor a mesa diretora da Câmara Municipal, entretanto, não há nada definido. Espero que, quem for o escolhido, possa realizar um bom trabalho, com foco nos interesses da cidade.

 

Candeia – Sua articulação para a presidência da Câmara envolve vereadores de grupos contrários ao prefeito eleito. Você entende que isso representa certa ruptura política com Abelardinho?

Prearo – As articulações estão sendo realizadas com todos os vereadores eleitos e, independentemente do resultado da eleição da mesa diretora, meu trabalho será sempre pautado na defesa dos interesses da população e não de grupos políticos.

 

Candeia – Qual o valor da sobra do duodécimo em 2020 e, em sua opinião, onde o dinheiro deveria ser aplicado?

Prearo – Aproximadamente R$ 200.000,00. Já conversei com o prefeito e sugeri que o dinheiro fosse alocado para setor da saúde, preferencialmente para nossa Santa Casa, que tanto necessita de recursos para se manter aberta, atendendo a população.

 

Candeia – A questão da acessibilidade é um problema para quem quer se dirigir à sede da Câmara. Como resolver esse impasse?

Prearo – A solução é um elevador. Eu, como atual presidente da Câmara Municipal, deixarei para o próximo presidente, um projeto pronto para a aquisição e instalação de um elevador, visando a solução dessa questão.