posto-santa-lucia-novo-2017
Banner-Lista-Candeia
Banner-online
WhatsApp Image 2020-07-06 at 08.28.31
Banner-Cep

“Iremos focar em vertentes que atendam ao que os munícipes mais pedem e exigem”

 

Nascido em Bariri e com 51 anos de idade, Antonio Marcos Sola (Marcos Sola é o nome na urna) é candidato a vice-prefeito de Itaju pelo PSL, tendo como candidato a prefeito Lincon Dian Marino, do mesmo partido. Agricultor, ele tem o ensino fundamental completo, tendo frequentado as escolas rurais que existiam na cidade. Marcos Sola comenta que a proposta da candidatura é ouvir a população em suas necessidades e trabalhar em conjunto com o Legislativo. Conta que aprendeu a trabalhar com o pai na roça e da agricultura tirou o sustento da família. Marcos Sola foi presidente da Associação dos Produtores Rurais de Itaju. Na ocasião, juntamente com outros produtores, foi firmada parceria com a Secretaria de Agricultura do Estado e governo federal, com obtenção de recursos para a instalação de uma unidade de armazenamento de grãos em Itaju, permitindo a geração de mais empregos, renda e benefícios ao município.

 

Candeia – Como vê o cenário político destas eleições, em plena pandemia de Covid-19? O que deve mudar e o que vai permanecer de pleitos anteriores?

Marcos Sola – Infelizmente este ano as eleições serão atípicas, pois estamos passando por um período muito complicado, ao qual temos que ter total cuidado e precaução, pois eu mesmo posso dizer com certa competência que a Covid não é brincadeira, uma vez que fui infectado com o vírus e passei por diversos sintomas, aos quais são muito complicados devido a sua intensidade. Tendo passado por isto sei que precisaremos trabalhar de forma com que preservemos a integridade de nossos munícipes, fazendo uma campanha que abranja todos os métodos de segurança, conforme a OMS orienta. O contato com os munícipes irá ocorrer muito por conta de meios digitais, mas sempre expondo as mensagens e ideias de modo muito claro e conciso, para que não deixemos transpassar a mensagem de forma dúbia.

 

Candeia – Por que decidiu ser candidato a vice-prefeito? Qual sua expectativa?

Marcos Sola – A ideia de poder trabalhar em prol dos munícipes da cidade onde nasci e fui criado é algo que me agrada muito, pois sempre vemos o que pode ser mudado, melhorado e alterado estando de fora. Uma vez entrando podemos trabalhar para realmente modificar o modo que o sistema vem efetuando os trâmites municipais, sempre levando em conta o que a população busca. Tenho uma expectativa muito boa, uma vez que nosso plano de governo e forma de trabalhar vai ser focada no que a população pede e não somente no que pensamos. Espero ter a oportunidade de mostrar o que um verdadeiro filho de Itaju tem capacidade para fazer.

 

Candeia – Que papel pretende desempenhar como vice-prefeito, caso a chapa seja eleita?

Marcos Sola – Irei trabalhar lado a lado com o prefeito, Câmara de Vereadores e inclusive ouvindo a população, pois são eles que sabem o que a cidade precisa e deles temos que não tirar proveito, mas sim dar as mãos e seguir todos no mesmo rumo, para fazer de Itaju uma cidade melhor. Pretendo estreitar laços com os vereadores eleitos, não importando de qual chapa sejam, pois todos têm que estar lá para representar o povo itajuense e fazer com que a cidade prospere. Quero estar presente em todos os momentos de decisões e ações do poder público, pois não iremos tolerar de qualquer forma que seja a coação, corrupção ou utilização de cargos para tirar benefícios para si próprio, além de realizar as destinações do dinheiro público de forma ordenada e assertiva, não deixando brechas para gargalos de escoamento errôneo do mesmo.

 

Candeia – Quais as prioridades do governo em caso de vitória nas urnas?

Marcos Sola – Iremos focar em vertentes que atendam ao que os munícipes mais pedem e exigem, trabalharemos em cima da Saúde que no momento pede um escoamento de medicamentos mais ordenado e correto, além de melhorias na estrutura e contratação de médicos em especialidades que hoje não temos, geração de emprego trazendo parcerias com empresas, melhorando a estrutura da cidade para recebimento de grandes indústrias e capacitando o munícipe para que consiga cargos e ganhos melhores dentro da própria cidade, sem precisar depender ou se locomover para cidades vizinhas, e da Agricultura que no momento não tem apoio ou respaldo para seu crescimento e desenvolvimento, possibilitando que os agricultores possam contar com benefícios das secretarias estaduais e federais, com criação de um local para que consigam escoar a produção e tendo um profissional especializado para ajudar não apenas o grande mas também o médio e pequeno produtor a desenvolver ainda mais o plantio e colheita de sua mercadoria. Iremos trabalhar para sempre manter o foco de melhorias e buscando parcerias logo de imediato. O que posso garantir é que a população de Itaju nunca teve alguém tão presente como iremos ser, pois vamos trabalhar lado a lado com os munícipes, iremos dar voz e ouvidos a todos.