Slider

Empresa Souza Nossa realiza serviço em Bariri: prefeitura pretende ampliar serviços em novo edital – Arquivo/Candeia

Alcir Zago

A prefeitura de Bariri irá licitar o serviço de capina e limpeza pública. A atual prestadora, a empresa Maria Aparecida de Souza Nossa-EPP, de Jaboticabal, foi contratada em junho do ano passado para período de 12 meses.

Pela Lei de Licitações, a administração municipal poderia prorrogar o contrato com a firma, mas a opção é realizar nova disputa para incluir mais serviços.

O diretor municipal de Obras, Giuliano Griso, diz que o contrato atualmente vigente não contemplou podas altas com caminhão cesto, caminhão munck para retirara de árvores de grande porte e outros serviços que não foram inseridos no edital anterior.

A empresa de Jaboticabal foi vencedora de pregão presencial no ano passado. Por dois meses e meio o serviço de limpeza e capina foi paralisado em Bariri por questões judiciais envolvendo licitação anterior.

A prefeitura precisa elaborar novo edital e publicá-lo para que empresas interessadas possam concorrer.

 

Ação judicial

 

Na licitação de meados de 2020, o valor dado pela Souza Nossa foi de R$ 139,4 mil mensais, ou R$ 1,6 milhão por ano.

A estimativa de gasto anual era de R$ 2,018 milhões (ou R$ 168,2 mil por mês). Dessa forma, o valor final da Souza Nossa ficou 17,1% abaixo do previsto.

A empresa atuou na cidade após vencer pregão presencial em 2017. Naquela ocasião, a empresa ofereceu a proposta de R$ 1,380 milhão por um período de 12 meses, ou seja, R$ 115 mil mensais.

A diferença é que naquele período o edital previa o emprego de 30 trabalhadores, ao passo que na disputa de 2020 eram necessários no mínimo 45.

Também prestou serviço para a prefeitura de setembro de 2019 a março de 2020. Nesse caso, a contratação foi emergencial, por período máximo de seis meses.

O motivo é que a administração municipal ficou aguardando o desfecho de ação judicial que barrou a contratação da D. R. Justulin por falta de comprovação técnica relacionada à qualificação técnica e operacional para algumas das atividades que seriam executadas.

O contrato firmado entre o Executivo e a Souza Nossa em junho do ano passado compreendeu serviços como capinação, roçagem, rastelamento, varrição, pintura, entre outros.