Slider

O corte dos cabelos foi realizado no salão Firmino Cabeleireiro; a equipe registrou e postou nas redes sociais – Divulgação

Há cinco anos o jovem baririense, Lucas Antoniassi, 24 anos, mantinha longos cabelos. Recentemente, ele cortou 40 cm e doou ao Hospital Amaral Carvalho, que dispõe de oficina para confecção de perucas para pacientes com calvície, provocada pela quimioterapia.

A atitude recebeu elogios de amigos e familiares e significou um marco na vida do jovem doador. Por solicitação do Candeia, ele aceitou comentar sobre a experiência, como forma de estimular outras iniciativas de solidariedade e ajuda ao próximo. “Foi como um desafio e recomeço, já que dei fim a algo que cuidava há mais de cinco anos, e, acredite, não é uma decisão fácil”, ele diz.

Lucas diz que sempre achou bonito os cabelos longos e que na adolescência assistia a série Sobrenatural e se identificava com um dos personagens, o Sam, que tinha esse estereótipo.  Além de que, tem tudo a ver com seu estilo de vida. É guitarrista de metal e sempre usou a figura do Zakk Wylde (guitarrista da banda de Ozzy Osbourne) como parâmetro.

Conta que manter os cabelos longos exige alguns cuidados como cortes das pontas e hidratação periódico, além da lavagem e uso de condicionador diários para evitar os famosos “nós”, uma vez que o cabelo é liso e fino.

O corte e doação dos cabelos fazem parte de uma promessa. Seu pai desenvolveu hérnia, após tratamento de câncer no intestino, e passou por cirurgia de reparação. Se tudo corresse bem, cumpriria o prometido.

Foi o próprio pai quem levou seu cabelo para o Amaral Carvalho. Diz que recebeu uma carta dos médicos parabenizando e agradecendo pela atitude. “Graças a Deus hoje ele conseguiu vencer e está totalmente recuperado. Então posso dizer que minha promessa funcionou”, analisa o jovem.

Conta que o cabelo já está crescendo e que está até curtido o processo – Divulgação

Lucas afirma que a sensação de ajudar o próximo é muito gratificante. Conta que o cabelo já está crescendo e que está até curtido o processo. “No caminho do crescimento ele vem tomando várias formas diferentes”, relata. Brinca, inclusive, que já voltou a ser chamado de “Jesus”.

O corte dos cabelos foi realizado no salão Firmino Cabeleireiro; a equipe registrou e postou nas redes sociais, juntamente com os familiares. Foram mais de 600 curtidas e muita gente fez questão de parabeniza-lo pela iniciativa.