Slider

Radares que ficavam no trevo de Bariri realizavam monitoramento do tráfego de veículos – Robertinho Coletta/Candeia

O Departamento de Estradas de Rodagem (DER) retirou recentemente dois radares situados no km 330 da Rodovia Leônidas Pacheco Ferreira (SP-304), no trevo principal de Bariri.

Os equipamentos foram instalados em novembro de 2018. Na época, a Secretaria Estadual de Transportes informou ao Candeia que os radares não efetuavam autuações de motoristas, mas o monitoramento do tráfego de veículos na rodovia.

Perguntado sobre a razão da retirada dos dispositivos, o DER relatou ao jornal que o órgão prepara um contrato para a aquisição de novos radares na SP-304.

No momento, as equipes do órgão trabalham na elaboração do edital de licitação que possibilitará a contratação dos novos equipamentos.

De acordo com o DER, a Polícia Militar (PM) Rodoviária segue realizando a fiscalização do excesso de velocidade por meio dos radares portáteis, operados pelos seus agentes.

 

Publicação

 

O DER irá publicar em seu site a localização de todos os radares instalados nas rodovias estaduais paulistas, sejam fixos, móveis, estáticos ou portáteis.

A publicação terá a localização, horário de funcionamento dos dispositivos e seus respectivos limites de velocidade. Atualmente, já está disponível no site do DER a localização de radares fixos.

A medida será implantada em 90 dias, conforme prevê a Lei 17.294, sancionada pelo governador João Doria e publicada no Diário Oficial do Estado de 23 de outubro.

Os radares estáticos (em tripés) são operados em pontos pré-determinados no período diuturno, ou seja, enquanto há luz solar. Já os radares portáteis são operados pela PM Rodoviária em cronograma estabelecido pelo comando rodoviário.