Slider

Licitação para serviço de limpeza está marcada para o dia 14 de junho Arquivo/Candeia

Alcir Zago

A prefeitura de Bariri republicou o edital de licitação para contratar empresa responsável por serviço de capina e limpeza pública.

O documento anterior foi alvo de representação pela Construtora CG de Marília Ltda junto ao Tribunal de Contas do Estado (TCE).

Na ocasião, o órgão determinou a suspensão da disputa. O tribunal acolheu o apontamento da empresa, criticando a exigência de apresentação de atestado para fins de qualificação técnica, comprovando a realização de serviço específico de poda de árvores próximas da rede elétrica.

Para a empresa, “a particularidade deste objeto deixa dúvidas a todos os interessados em participar do certame licitatório, levando a crer que há um direcionamento, visto que restringe notoriamente o leque de participantes”.

A prefeitura de Bariri revogou o pregão presencial, ajustou o documento conforme a decisão do TCE e republicou o edital.

A abertura das propostas está marcada para o dia 14 de junho, às 9h. O valor estimado continua o mesmo: R$ 2,127 milhões por um período de 12 meses.

Apesar de poder prorrogar o contrato atual por mais 12 meses com a empresa Maria Aparecida de Souza Nossa, o Executivo decidiu realizar nova licitação para que a vencedora tenha um cronograma de trabalho bem definido e ajustado de acordo com as necessidades do município.

Para que a nova licitação possa ser concluída sem a paralisação dos serviços, a administração municipal decidiu prorrogar o contrato com a Souza Nossa de 4 de junho a 3 de julho deste ano.