Composição 1_1
Composição 1_1

Segundo o Saemba, o poço tem capacidade para 60 m³/h e opera das 5h às 21h para abastecer o reservatório existente no local – Foto: Divulgação 

Dia 21 de janeiro, segunda-feira, entrou em operação poço artesiano construído pelo Serviço de Água e Escoto do Município de Bariri (Saemba), na Rua Salvador Scirre, que vai abastecer os Polos Industriais I e II.
Segundo o superintendente do Samba, Heliton Cristiano Albranti, o poço tem capacidade de 60 mᶟ/h. No local, além do poço, foram realizadas obras de ligação elétrica, muro, portão e casa de máquinas.
De acordo com Marcos Sérgio Pepe, diretor técnico de Planejamento do Saemba, o está a 60 metros de profundidade e opera das 5h às 21h. Nesse período a bomba abastece o reservatório existente no local.
A construção do poço artesiano é antiga reivindicação de empresas instaladas nos dois polos. Segundo os usuários havia constante corte no abastecimento de água, o que prejudicava a produção e/ou consumo.

Há um ano

Matéria do Candeia publicada há um ano reportava o serviço de perfuração do poço tubular profundo para abastecimento do Polo Industrial. A empresa encarregada do serviço foi a Hidrogeo Perfurações Ltda, com valor de contrato firmado com o Saemba de R$ 83,5 mil.
Após a perfuração, foram realizadas mais duas licitações: uma para aquisição de bomba d’água e outra para a construção de reservatório com capacidade de armazenar de 200 mil litros a 250 mil litros de água.
Na ocasião, o Saemba confirmou a constante a interrupção no abastecimento do local. O problema tinha relação com o bombeamento da Estação de Tratamento de Água (ETA). Por esse motivo, a solução encontrada foi dispor de um sistema próprio de captação de água no Polo Industrial. (Com informações da Assessoria de Comunicação e Imprensa – Prefeitura de Bariri)