Slider

Enterro da jovem foi acompanhado por centenas de pessoas – Foto: Rosa Marcolino

Centenas de pessoas acompanharam o último adeus a baririense Mariana Forti Bazza, 19 anos. O corpo da estudante de fisioterapia foi enterrado na tarde desta quinta-feira (26), na Necrópole Municipal em Bariri.

A jovem foi morta após aceitar ajuda para trocar o pneu de seu carro, na última terça-feira (24). O corpo dela foi localizado em uma área rural de Ibitinga quase 24 horas, na manhã de quarta-feira (25). O velório aconteceu durante a manhã.

Rodrigo Alves Pereira, suspeito de ter cometido o crime, está preso. Ele é o homem que aparece nas imagens de câmera de segurança da academia que Mariana frequantava oferecendo ajuda para a estudante trocar o pneu.

De acordo com a Polícia Civil, o homem nega ter cometido o assassinato. No entanto, foi ele quem indicou onde o corpo da jovem estava.

A polícia ainda apura, por meio de material genético, se Mariana sofreu violência sexual antes de ser assassinada.