Slider

As propostas devem ser enviadas pelos próprios conselhos no período de 1º de julho a 31 de agosto, até às 18h, exclusivamente pelo formulário eletrônico – Divulgação

Como parte de sua atuação social, a AES Tietê viabilizará investimentos em projetos sociais indicados por Conselhos Municipais dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) e Conselhos Municipais do Idoso (CMI), em cidades onde atua.

As propostas devem ser enviadas pelos próprios conselhos no período de 1º de julho a 31 de agosto, até às 18h, exclusivamente pelo formulário eletrônico disponível na plataforma Prosas, no  endereço aestieteconselhos.prosas.com.br, para avaliação da AES Tietê.

Serão considerados os projetos com as temáticas de meio ambiente, reciclagem, energia, ações nas áreas da saúde, assistência social, cultura, esporte e lazer, que contribuam para melhoria das condições de vida e bem-estar de crianças, adolescentes e idosos.

Os Conselhos Municipais do Direito da Criança, Adolescente e do Idoso poderão inscrever quantos projetos desejarem, de diferentes organizações sociais, mas cada instituição poderá ser representada por apenas uma proposta. Com base nos critérios estabelecidos no edital, será selecionado um grupo de projetos que receberá o investimento da companhia em 2021.

Em 2019, foram apoiados 7 projetos de CMDCA e 3 projetos de CMI, que estão sendo executados no decorrer deste ano.

Bariri, Boraceia, Barra Bonita, Bauru, Jaú e Itapuí integram a lista das cidades onde a AES Tietê atua e que estão aptas a receber a inscrição para os projetos sociais em 2021, a fim de contribuir para o fortalecimento dessas comunidades.

Serão avaliadas as propostas de entidades de apoio à criança, adolescente e idoso.  Mais informações sobre o edital e regulamentos, consulte: aestieteconselhos.prosas.com.br

 

Fonte: andrea.almeida@temp.inpresspni.com.br