Composição 1_1
Composição 1_1

Chefe do Cartório Eleitoral de Bariri, Leonardo Araujo de Oliveira: prazo vai até 27 de setembro – Alcir Zago/Candeia

Até o momento, 60% dos eleitores de Bariri já realizaram o cadastramento biométrico. Os 40% que ainda não o fizeram devem procurar o Cartório Eleitoral para regularizar sua situação até o dia 27 de setembro. A unidade localiza-se na Rua Francisco de Paula Carvalho, 41, no centro (perto da Santa Casa de Bariri). O telefone para contato é (14) 3662-1463.
Os atendimentos na unidade da Justiça Eleitoral tiveram início na segunda-feira, dia 4. Segundo o chefe do Cartório Eleitoral de Bariri, Leonardo Araujo de Oliveira, é preciso levar RG, CPF, comprovante de residência e título eleitoral.
Ele reforça que o eleitor que deixar para fazer o cadastramento biométrico no final do prazo poderá enfrentar filas.
No momento, o cartório trabalha das 12h às 18h. A expectativa é que mais pessoas sejam contratadas de forma temporária para auxiliar no trabalho.
Quando isso ocorrer, o cartório deverá funcionar das 9h às 18h e nos finais de semana. Outra mudança é que deve ser instalado posto de atendimento em Itaju. Para a cidade vizinha o prazo é o mesmo.
Os eleitores que não comparecerem ao cartório eleitoral ou postos de atendimento até o prazo final terão seus títulos cancelados, o que impede a participação nas eleições, a obtenção de empréstimos em bancos oficiais, a inscrição em concursos públicos, a emissão de passaporte e a de CPF, entre outras restrições.
A meta do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) é concluir a operação em todo o País até 2022. Até o início de 2019, o cadastramento biométrico no Estado foi realizado por 15.261.556 eleitores, ou seja, 46% do eleitorado paulista, dos quais 4.416.373 (48% dos eleitores) estão na capital.