Slider

Crime aconteceu na última segunda-feira, na região central de Ibitinga (SP). Imagens de circuito de segurança mostram dono de lotérica lutando com assaltante antes de ser atingido com tiro no rosto.

Imagem divulgada pela polícia indica homem de 1,75m de altura como suspeito de ter assassinado dono da lotérica — Foto: Polícia Civil/Divulgação

A Polícia Civil de Ibitinga (SP) divulgou nesta quinta-feira (20) o retrato falado do suspeito de ser o autor do latrocínio de um empresário na região central da cidade, na última segunda-feira (17).

O empresário Valter de Morais, de 62 anos, dono de uma lotérica, levava um malote com R$ 125 mil para ser depositado em um banco quando foi abordado pelo assaltante.

Na ação, registrada por câmeras de segurança de lojas da região, criminoso e vítima entraram em luta e o empresário foi atingido por um tiro no rosto, morrendo no local (veja abaixo).

Um policial civil que passava pela rua tentou impedir o assalto e acabou atingido por três tiros na perna. Durante o tiroteio, uma médica que também foi atingida, dentro do carro, de raspão na perna.

O policial civil Luciano Ferraz, de 42 anos, passou por cirurgia, e seu estado é considerado estável. A médica Bruna Sgarbi, de 31 anos, foi atendida na Santa Casa de Ibitinga e liberada.

De acordo com a imagem do retrato falado divulgada pela polícia, o suspeito tem idade aparente de 38 anos, aproximadamente 1,75 metro de altura, é magro e possui olhos castanhos esverdeados.

A polícia pede para quem tiver qualquer informação sobre o suspeito, fazer denúncia anônima através do telefone (16) 3342-2223, ramal 224 ou pelo 181.

Empresário que foi assassinado durante assalto em Ibitinga lutou com o criminoso — Foto: Câmeras de segurança/Reprodução

G1