Composição 1_1
Composição 1_1

Como o presidente estadual do PTB, o vereador Ditinho também defende reestruturação partidária no Estado de São Paulo – Alcir Zago/Candeia

Campos Machado, presidente estadual e secretário geral da executiva nacional do PTB, anunciou reestruturação do partido em São Paulo. Ele classificou como “tsunami político-eleitoral” o resultado das eleições de 2018 e defende a reestruturação, “como nunca antes ocorreu”.
Presidente do PTB em Bariri, o vereador Benedito Antônio Franchini, o Ditinho, concorda com a proposta. “Estamos em um momento ímpar para a política nacional, por isso vejo com muito bons olhos esse posicionamento do Campos Machado a respeito da reestruturação partidária no Estado de São Paulo”, afirma.
Na opinião de Ditinho, em Bariri o PTB é um partido estabilizado, com membros dispostos a colocar em prática essa nova política. Para ele, a atitude de Campos Machado mostra preparo do partido diante do atual cenário. “Isso prova que o PTB é um partido democrático, que ouve o clamor popular”, opina Ditinho

Bases da mudança

Segundo Campos Machado, o trabalho já está sendo feito junto aos municípios, nos quais serão realizadas convenções municipais, para escolher lideranças políticas, com o objetivo de preparar o PTB, não só para as eleições de 2020, mas em especial para as de 2022.
Conta que está sendo criado um Instituto de Formação Política, que terá por finalidade atrair novas lideranças, oxigenar a estrutura partidária, agindo, assim, para atender às demandas, novas e antigas, da nossa população.
Na mesma linha, já foi estabelecido um “Plano Geral de Comunicação”, que atuará tanto nas redes sociais, como na “Rádio e TV 14”, já criadas pelo Partido, mantendo um link permanente com toda a sua militância.
Os 25 departamentos do PTB serão reestruturados, de maneira que se possa ter acesso direto aos mais diversos segmentos da sociedade. Até o final de 2019, o deputado espera trazer para o PTB expressivas lideranças políticas, em níveis estaduais e nacional.

Texto: Jornalista Angelo Franchini Neto