Slider

Mesa diretora da Câmara coordenou trabalhos da primeira sessão ordinária do mês de outubro que durou quatro horas – Robertinho Coletta/Candeia

A Câmara de Vereadores de Bariri realizou sessão ordinária de quatro horas de duração. O encontro ocorreu segunda-feira, 7, e contou com a presença dos nove vereadores.
A utilização de vereadores e munícipes da Palavra e Tribuna Livre e a extensa pauta de deliberação e votação, explica a longa duração dos trabalhos legislativos.
A vice-prefeita de Bariri, Maria Pia Betti Pio da Silva Nary (PSDB), e a vereadora de Pederneiras, Regina Haddad Barrach Zabalia (MDB), utilizaram a tribuna livre para comentar projeto de lei que cria a Procuradoria da Mulher no âmbito da câmara local; e o maestro Jeferson Carullo dos Santos rebateu questões ligadas à Banda Marcial Alexandre Giuliano Gallo.
O pronunciamento de Maria Pia se estendeu devido às questões formuladas pelos vereadores, em especial da oposição, o que permitiu que o debate fosse além do tema procuradoria da mulher. Ela acabou comentando sobre assuntos relacionados à gestão do prefeito Francisco Leoni Neto (PSDB), como videomonitoramento; suposto falta de voz na administração municipal; acusação de conivência com eventuais irregularidades na atual gestão; e problemas no atendimento na Santa Casa.
Houve tempo para que quatro vereadores fazerem uso da Palavra Livre: Evandro Antônio Folieni (PSDB); Francisco Leandro Gonzalez (Cidadania); João Luiz Munhoz (PSDB); e Vagner Mateus Ferreira (PSD). Eles comentaram temas como Bike Fest, Olimpíada Estudantil de Bariri (Oeba); Campeonato de Veteranos do Umuarama; Programa Jovem Senador; irregularidades no transporte de funcionários; da limpeza pública; castramóvel; eleição do Conselho Tutelar; permanência do posto da Justiça do Trabalho; segurança pública; videomonitoramento; assassinato da jovem Mariana Bazza; corrupção no Congresso Nacional; contas públicas; falta de novas empresas e empregos; falta de medicamentos na rede básica; e reinauguração do Estádio Municipal Farid Jorge Resegue, o Faridão.

Projetos

O prefeito Neto Leoni encaminhou quatro novos projetos de lei, que versam sobre crédito adicional suplementar e adicional ao Orçamento/2019; recursos para manutenção da intervenção da Santa Casa de Bariri e a criação de emprego efetivo de engenheiro de segurança do trabalho;
Os vereadores apresentaram propostas de lei que tratam de dar nome à Ilha Mariana – Lágrimas da Cidade no Lago Municipal; e obriga entidades sob intervenção do poder público disponibilizarem prestação de contas. Um terceiro projeto, assinado pela mesa diretora, cria o serviço voluntário na Câmara. Ele substituiu outro, de teor idêntico, mas subscrito somente pelo vereador Folieni.
Três projetos e uma emenda foram votados durante a sessão. O projeto 33/2019 e a emenda dizem respeito à lei que reorganiza a estrutura administrativa da Prefeitura de Bariri. Eles foram aprovados por maioria (5 a 4), com voto de Minerva do presidente da Casa, Ricardo Prearo (DEM). Uma matéria do chefe do Executivo autoriza alienar por venda duas áreas de terras urbanas e outra do Legislativo Cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmara. Ambas receberam unanimidade de votos.
Durante a sessão, os vereadores apresentaram quatro requerimentos, 10 moções e vinco indicações de obras e serviços ao Executivo.
Bom número de pessoas compareceu à sala de sessão Dr. Amélio Tanganelli para acompanhar os trabalhos do Legislativo. Destaque para a presença de grupo de integrantes da Banda Marcial Alexandre Giuliano Gallo.

Resumo dos Trabalhos do Legislativo

Projetos Apresentados

47/2019 – Autoriza crédito adicional suplementar no valor de R$ 10.320,70, destinado a atender demandas orçamentárias do município.

48/2019 – Autoriza crédito adicional especial no valor de R$ 19.682,87, destinado a reforma do Estádio Municipal Farid Jorge Resegue.

49/2019 – Autoriza subvencionar a Irmandade Santa Casa de Bariri, no valor mensal de R$ 400 mil, destinado à manutenção de intervenção administrativa hospitalar.

01/2019 – Lei Complementar – Cria emprego efetivo de engenheiro de Segurança do Trabalho no quadro pessoal da Prefeitura de Bariri.

10/2019 – Denomina Ilha Mariana – Lágrimas da Cidade projeto paisagístico existente no Lago Municipal Prefeito Accácio Masson.

11/2019 – Obriga a disponibilização de prestação de contas das entidades sob intervenção do poder público municipal.

10/2019 – Cria e regulamenta o serviço voluntário no âmbito da Câmara Municipal de Bariri.

Projetos Votados

33/2019 – Dispõe sobre reorganização administrativa da Prefeitura de Bariri. Aprovado por maioria de voto, com emenda legislativa.

Emenda ao Projeto 33/2019 – Exclui a Diretoria Municipal de Governo e Políticas Públicas. Aprovada por maioria de voto.

46/2019 – Autoriza alienar por venda duas áreas de terras urbanas de propriedade do município, mediante prévia avaliação e licitação. Aprovado por unanimidade.

06/2019 – Cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmara Municipal de Bariri. Aprovado por unanimidade.

Requerimentos

73/2019 – Luís Carlos de Paula requer documentação de ambulâncias novas, com informações sobre revisão, garantia e outras. Aprovado por unanimidade.

74/2019 – Vagner Mateus Ferreira, subscrito por três vereadores, requer relação de cargos comissionados que recebem insalubridade e/ou periculosidade. Aprovado por unanimidade.

75/2019 – Armando Perazzelli, subscrito por três vereadores, requer informações sobre suposta empresa que deve se instalar em Bariri, conforme afirmado pelo prefeito Francisco Leoni em entrevista à imprensa Aprovado por unanimidade.

76/2019 – Francisco Leandro Gonzalez, subscrito por três vereadores, requer informações sobre itinerário de viagens do veículo Renault/Master Inova Bus, ano 2019/2020, placa GIO 8226, chassi final 15553. Aprovado por unanimidade.

Moções

50/2019 – Benedito Antônio Franchini apresenta moção de aplauso a Cláudia Gabriel Rodrigues, aluna da EM Prof. Eurico Acçolini pela conquista da medalha de prata na Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep)/2018. Aprovada por unanimidade.

51/2019 – Ricardo Prearo apresenta moção de aplauso à Banda Marcial Alexandre Giuliano Gallo que no dia 22 de setembro voltou a participar de campeonatos de bandas e fanfarras na cidade de Santa Rita do Passa Quatro, obtendo título de campeã do corpo coreográfico e baliza e vice-campeã com corpo musical. Aprovada por unanimidade.

53/2019 – Benedito Franchini apresenta moção de repúdio às operadoras de telefonia móvel Tim e Vivo, que provocaram pane em seu sistema nos dias 19 e 20 de setembro em Bariri. Aprovada por unanimidade.

55 e 58/2019 – Evandro Folieni e Francisco Leandro Gonzalez apresentam moção de aplausos ao 1º Bike Fest MTB, realizado dia 25 de agosto em Bariri e que destinou R$ 11 mil a três entidades sociais locais. Aprovada por unanimidade.

56/2019 – Rubens Pereira dos Santos apresenta moção de aplauso à jovem Livia Demichilli Sant’Ana. 10 anos, atriz que sw 31 de agosto a 1º de setembro participou da gravação do filme de curta metragem “Um Dia Especial”, na cidade de Brodowski (SP). Aprovada por unanimidade.

57/2019 – Francisco Leandro Gonzalez apresenta moção de aplauso à Olícia Civil e Militar de Bariri pela operação que resultou na prisão do suspeito do assassinato de Mariana Forti Bazza. Aprovada por unanimidade.

Indicações

80/2019 – Luís Carlos de Paula indica poda e retirada de árvore na praça do Jardim Santa Clara, nº 245.

81/2019 – O mesmo vereador propõe instalação de semáforo na Avenida Sérgio Furcin equina com Avenida Osório Oréfice.

82/2019 – O mesmo vereador sugere cavaletes de sinalização em frente à EM Profª Ângela Maria Prearo Fortunato na hora da entrada e saída de alunos.

83/2019 – Paraná solicita reparos no calçamento de prédios na Avenida XV de Novembro, nos números 439 e 463.

84/2019 – João Luiz Munhoz indica revitalização e colocação de bebedouro na Praça dos Cinco Amigos (Santo Expedito), no Jardim Maria Luíza.

Bom número de pessoas compareceu à sala de sessão Dr. Amélio Tanganelli para acompanhar os trabalhos do Legislativo – Robertinho Coletta/Candeia