Slider

Alcir Zago/Candeia

Alcir Zago

A posse em Bariri do prefeito, vice-prefeito e vereadores eleitos em 15 de novembro ocorreu na manhã de 1º de janeiro. Por causa da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), apenas pessoas com convite puderam entrar na Câmara Municipal.

Foram empossados pelo vereador mais votado, Airton Luis Pegoraro (MDB), o prefeito Abelardo Maurício Martins Simões Filho (MDB), o vice-prefeito Luis Fernando Foloni (Cidadania) e os vereadores Benedito Antonio Franchini (PTB), Edcarlos Pereira dos Santos (PSDB), Francisco Leandro Gonzalez (Podemos), Julio Cesar Devides (Cidadania), Luís Renato Proti (Escadinha) (MDB), Myrella Soares da Silva (DEM), Paulo Egídio Grigolin (PP) e Prearo.

A solenidade foi marcada pela execução dos hinos do Brasil e de Bariri, leitura dos diplomas conferidos pela Justiça Eleitoral e declaração de bens dos eleitos. Também houve juramento pelo prefeito, vice e vereadores.

O pastor Daniel Barbosa de Oliveira e o padre Leandro da Silva Pimentel fizeram orações e deram bênçãos.

Entre os vereadores, discursaram Edcarlos, Myrella, Grigolin e Pegoraro. Em geral, pregaram a necessidade de que haja diálogo entre Executivo e Legislativo, a formação profissional e as qualidades dos vereadores para a discussão de propostas na Câmara e a necessidade de valorização dos servidores públicos e do município como um todo.

Foloni destacou que o Executivo não vai bem se não houver uma Câmara forte e que, após as eleições, a sigla deve ser o povo de Bariri. Ressaltou o papel da imprensa e disse que o governo será transparente em seus atos.

Abelardinho destacou que haverá compromisso e responsabilidade de fazer de Bariri um lugar melhor para se viver. Segundo o prefeito, é preciso que haja mudança de postura, com atitude, honestidade, caráter, ética e transparência na condução das ações administrativas.

 

Cargos

 

Terminada a posse, Abelardinho Simões assinou portarias para exoneração dos ocupantes dos cargos de primeiro escalão do governo anterior e para nomeação das pessoas que irão comandar as pastas.

Na área da Saúde Marina Prearo será a titular da pasta e Mozart Marciano (que já atuou como diretor da Saúde nos governos de Deolinda Marino e Paulo Araujo) ficará responsável pela intervenção na Santa Casa de Bariri.

Outro nome que passou pelo governo de Araujo e agora retorna é o diretor de Desenvolvimento Econômico, Vicente Sergio Barbieri Junior.

Além de Marina Prearo, outros nomes são novidade na gestão de diretorias: Suzane Gabia Dinis Albranti (Assistência Social); Leandro Fernandez Davides (Infraestrutura); Marcelo Eduardo Lenharo (Administração); Natalia Regiane Sisto Moreira (Finanças); Flávio Muniz Dalla Coletta (Gabinete); e Giuliano Griso (Obras). O último atuava como secretário de Obras de Jaú e concorreu ao cargo de prefeito nessa cidade em novembro do ano passado.

A superintendência do Serviço de Água e Esgoto do Município de Bariri (Saemba) ficará a cargo de Eder Cassiola. Também houve troca de servidores em cargos comissionados da autarquia (leia mais nesta edição).

Antes, Abelardinho Simões havia anunciado o nome de Stefani Edvirgem da Silva Borges como diretora de Educação.