Composição 1_1
Composição 1_1

De acordo com os alunos, a plataforma Web Zansa tem como missão salvaguardar o meio ambiente. Divulgação

Grupo de alunos do curso de Engenharia de Produção da Univesp-Bariri desenvolveu plataforma Web Zansa que auxilia o gerenciamento de resíduos no município. O estudo procura estabelecer conexão entre ofertas e demandas de resíduos industrias de empresas locais.
Criaram a ferramenta os estudantes Danielle Ribeiro de Almeida, Everton Aparecido Bueno, Gilberto Mantovani, Márcio Adriano Michelassi, Marcio Augusto Monari Junior, Sheila Liana Cunha e Sidney Takashi Sakurai, Eles receberam supervisão de Cintia Blaskovsky Portilho Gomes e tutoria de Ursula Mengui,
De acordo com o estudante Marcio Monari, a proposta do portal se baseia no conceito de “Economia Circular”, em que os resíduos de algumas indústrias são reaproveitados por outras companhias, impedindo o descarte direto no meio ambiente.
O trabalho foi organizado em quatro etapas. Após pesquisa, eles concluíram que a empresa Camisetas Kezo, especializada em uniformes e roupas para uso profissional, seria um potencial ofertante de retalho de tecidos à Frisokar Equipamentos Plásticos S.A., fabricante de componentes para cadeiras e assentos corporativos e à Imperial Automotivo, voltada à manutenção preventiva veicular.
Segundo Monari, o site foi a solução tecnológica encontrada pelo grupo para que haja uma ligação e comunicação entre empresas. “Por meio do portal Zansa, foi possível realizar o fluxo de retalhos de tecido das Camiseta Kezo para as outras duas”, ele comenta
Segundo o estudante, o portal se mostrou eficaz para um município de pequeno porte como Bariri e a ferramenta tem potencialidade para ser aplicada em uma escala maior.
Conheça o portal Zansa: http://projetointegradorbariri5n4.acessabrasil.com.br/

Fonte: Univesp.br

Repercussão

A plataforma Web Zansa, desenvolvida pelos alunos de Engenharia de Produção da Univesp-Bariri e que auxilia o gerenciamento de resíduos no município, ganhou repercussão no mundo acadêmico.
Essa semana a notícia foi destaque nos sites oficiais da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico (desenvolvimento.sp.gov.br) e da própria Universidade Virtual do Estado de São Paulo (univesp.br).