Slider

Agências bancárias em Bariri: cidade agora está atrás de Barra Bonita em índice per capita de depósitos em poupança

No fim de 2017 a quantidade de dinheiro per capita depositada em caderneta de poupança nas agências bancárias instaladas em Bariri era superior ao montante de toda a região.
No novo levantamento feito pelo Candeia com dados do Banco Central, Barra Bonita passou a liderar o volume de dinheiro aplicado em poupança, com Bariri na segunda colocação (veja tabela).
Dois fatores pesaram em favor de Barra Bonita. O primeiro é que entre dezembro de 2017 e julho de 2018 o estoque de poupança na cidade cresceu 6,70%, contra 2,88% de Bariri. Nesse período apenas em Boraceia houve mais saques que depósitos (veja tabela).
O estoque considera todo o dinheiro aplicado num determinado período, considerando-se os depósitos e os saques. O mês de julho é o mais recente divulgado pelo Banco Central.
O segundo fator é que, conforme o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a população de Barra Bonita sofreu redução entre 2007 e 2018. As estimativas da população residente nos municípios brasileiros são divulgadas pelo IBGE com data de referência em 1º de julho.
Mesmo com essa “disputa” pelo posto de primeiro lugar no estoque de poupança per capita, Bariri e Barra Bonita historicamente estão à frente das outras cidades da região. Tomando os dados de julho, por exemplo, o terceiro lugar é ocupado por Dois Córregos (veja tabela).

Cenário nacional

Pelo sétimo mês seguido, a caderneta de poupança continuou a atrair o interesse dos brasileiros. Em setembro, a captação líquida – depósitos menos retiradas – somou R$ 8,54 bilhões. O resultado é o melhor para meses de setembro desde o início da série histórica, em 1995.
No acumulado do ano, a poupança continua registrando desempenho positivo. De janeiro a setembro, a caderneta teve captação líquida de R$ 25,5 bilhões. Esse foi o melhor resultado para o período desde 2013, quando a aplicação tinha registrado captações líquidas de R$ 48,95 bilhões nos nove primeiros meses do ano.
Até 2014, os brasileiros depositavam mais do que retiravam da poupança. Naquele ano, as captações líquidas chegaram a R$ 24 bilhões. Com o início da recessão econômica, em 2015, os investidores passaram a retirar dinheiro da caderneta para cobrirem dívidas, num cenário de queda da renda e de aumento de desemprego.
Em 2015, R$ 53,57 bilhões foram sacados da poupança, a maior retirada líquida da história. Em 2016, os saques superaram os depósitos em R$ 40,7 bilhões. A tendência inverteu-se em 2017, quando as captações excederam as retiradas em R$ 17,12 bilhões.
A poupança voltou a atrair recursos mesmo com os juros em níveis baixos. Isso porque o investimento garantiu novamente rendimentos um pouco acima da inflação. Nos 12 meses terminados em setembro, a poupança rendeu 4,5%.
O Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA)-15, que funciona como uma prévia da inflação oficial, acumula 4,28% no mesmo período.

Fonte: Agência Brasil

Estoque de poupança na região
Período: dezembro de 2017

Cidade Estoque de poupança População estimada Per capita
Bariri R$ 234.665.443 34.602 R$ 6.781,84
Barra Bonita R$ 241.423.990 36.331 R$ 6.645,12
Bauru R$ 1.757.102.952 371.690 R$ 4.727,33
Bocaina R$ 55.834.236 12.040 R$ 4.637,39
Boraceia R$ 10.445.142 4.717 R$ 2.214,36
Dois Córregos R$ 145.605.421 26.891 R$ 5.414,65
Itaju R$ 12.558.908 3.703 R$ 3.391,54
Itapuí R$ 37.625.551 13.618 R$ 2.762,92
Jaú R$ 755.493.608 146.338 R$ 5.162,66
Pederneiras R$ 181.843.399 45.708 R$ 3.978,37

Fontes: Banco Central e IBGE

Estoque de poupança na região
Período: julho de 2018

Cidade Estoque de poupança População estimada Per capita
Bariri R$ 241.437.230 34.961 R$ 6.905,90
Barra Bonita R$ 257.620.023 36.127 R$ 7.130,95
Bauru R$ 1.864.317.026 374.272 R$ 4.981,18
Bocaina R$ 58.686.396 12.204 R$ 4.808,78
Boraceia R$ 10.438.990 4.776 R$ 2.185,71
Dois Córregos R$ 149.488.210 27.112 R$ 5.513,72
Itaju R$ 12.858.779 3.782 R$ 3.399,99
Itapuí R$ 39.701.265 13.833 R$ 2.870,04
Jaú R$ 767.160.975 148.581 R$ 5.163,25
Pederneiras R$ 187.096.179 46.251 R$ 4.045,23

Fontes: Banco Central e IBGE

Variação da poupança na região

Cidade Estoque em dezembro/2017 Estoque em julho/2018 Variação(%)
Bariri R$ 234.665.443 R$ 241.437.230 2,88
Barra Bonita R$ 241.423.990 R$ 257.620.023 6,70
Bauru R$ 1.757.102.952 R$ 1.864.317.026 6,10
Bocaina R$ 55.834.236 R$ 58.686.396 5,10
Boraceia R$ 10.445.142 R$ 10.438.990 -0,05
Dois Córregos R$ 145.605.421 R$ 149.488.210 2,66
Itaju R$ 12.558.908 R$ 12.858.779 2,38
Itapuí R$ 37.625.551 R$ 39.701.265 5,51
Jaú R$ 755.493.608 R$ 767.160.975 1,54
Pederneiras R$ 181.843.399 R$ 187.096.179 2,88

Fonte: Banco Central