Composição 1_1
Composição 1_1

A Polícia Civil identificou o veículo utilizado em furto ocorrido no domingo (5) em joalheria e relojoaria situada no centro de Bariri. O proprietário do automóvel também foi identificado.
Segundo o delegado de Polícia Marcílio Cesar Frederici de Mello, o crime foi cometido por quadrilha especializada; entre quatro e cinco pessoas praticaram o delito.
Como são pessoas residentes em local distante de Bariri, há compartilhamento das informações com outras delegacias do Estado. A Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Jaú também atua para identificação dos autores do furto.
Marcílio Mello conta que o crime teve início na madrugada de domingo, sendo concluído por volta das 11h do mesmo dia.
Os ladrões entraram na joalheria pelos fundos, após arrombamento de porta. No interior do estabelecimento, arrombaram o cofre, levando o que havia nele e também objetos de maior valor que estavam nas vitrines, como jóias e relógios.
O proprietário do estabelecimento iria informar posteriormente à Polícia Civil os itens subtraídos, após levantamento completo.
Além das imagens obtidas por câmeras de segurança, os investigadores trabalham com impressões digitais e material genético colhidos no local do furto.