Slider

Carreta com carga de madeira foi deixada na Avenida Domingos Libonati, em Bariri, sem o caminhão trator – Robertinho Coletta/Candeia

Carreta com carga de madeira roubada na noite de 31 de outubro em Novo Horizonte foi abandonada em Bariri no dia seguinte. O destino da madeira era empresa situada no município.
Por volta das 20h30 do dia 31 de outubro (quinta-feira) motorista de 37 anos parou para descansar em barraca que vende garapa às margens da Rodovia SP-304, em Novo Horizonte. Ele conduzia Caminhão Volvo, com placa de Juina-MT, com destino a Bariri, onde seria descarregado o caminhão.
Quatro horas depois, enquanto dormia, foi abordado por dois homens encapuzados, que quebraram o vidro do passageiro do cavalo e entraram no veículo.
Depois, colocaram algo para tapar o rosto da vítima, colocando o motorista na cama, atrás da cabine.
Os ladrões seguiram sentido Borborema. No meio do trajeto, quando estavam nessa cidade, o caminhão parou. Um dos bandidos desceu com a vítima, enquanto o comparsa tomou rumo ignorado com o caminhão.
O motorista foi deixado no meio de um canavial, permanecendo ali até o amanhecer. O ladrão seguiu até a pista, onde um veículo o apanhou. Já a vítima esperou uns 20 minutos até ir à rodovia e pedir ajuda.
Na tarde de sexta-feira, dia 1º, o proprietário da madeireira onde seria descarregada a carga entrou em contato com a Polícia Civil de Bariri.
Ele foi avisado por um cliente que tinha conhecimento do crime de que a carreta com as características da que havia sido roubada estava estacionada na Avenida Domingos Libonati, no Jardim Esplanada, em Bariri, perto do trevo principal da cidade. Foi encontrada a carrega com a carga, no entanto sem o caminhão trator.
O funcionário da empresa vendedora, que foi vítima do roubo, compareceu à Delegacia de Bariri, para o qual a carga foi liberada.