Slider

Chuva acarretou prejuízos, principalmente em carros estacionados – Foto: Diego Santos

Na tarde de terça-feira, 17, um temporal atingiu Bariri. Vários pontos da cidade registraram queda de árvores e postes, alagamentos e falta de energia elétrica.

Houve queda de árvores na Rua Antônio de Queiroz, Bairro Brasil 500, Avenida Vice-prefeito Sérgio Forcin (em frente ao posto Aquilante), Rua Vicente Donda (próximo à Frisokar), no centro da cidade, em frente à Praça da Matriz, na Rua Ulisses Masson (Bairro Cidade Jardim), na Avenida Prefeito Domingos Antônio Fortunato (próximo ao trevo de acesso a Boraceia), Jardim Yang 3, Rua Antonio de Queiroz, Avenida Claudionor Barbieri, entre outros locais.

No Lago Municipal, a força das águas formou enxurrada que cobriu as ruas José Jorge Resegue e Rui Barbosa. Duas árvores caíram próximo à Pizzaria do Lago.

Postes caíram na Rua Ulisses Masson, no Cidade Jardim, Avenida Sérgio Furcin e Rua Professora Sumaia Sahad Farah. Vários pontos da cidade ficaram sem energia, que foi sendo restabelecida durante a noite pela CPFL Paulista.

O Corpo de Bombeiros atuou em vários pontos da cidade, cortando as árvores que caíram sobre vias e liberando os locais para o trânsito de veículos.

Prejuízos

A queda de árvores gerou vários prejuízos, principalmente sobre carros que estavam estacionados nas ruas. Um barracão foi atingido, na Rua Antonio de Queiroz, no cruzamento com a Rua Tenente Pelicioti.

No prédio da Bariri Rádio Clube, a força do vento levantou suportes de ar condicionado que estavam no teto, causando deslocamento de telhas.

Com isso, houve vazamento de água pela rede de energia, molhando alguns equipamentos e afetando a programação ao vivo.

Nas margens do Córrego do Sapé, nas imediações do Supermercado Aquilante, a chuva aumentou a erosão. Galhos foram arrancados e árvores inclinaram, com raízes expostas. (Com informações de Diego Santos)