Composição 1_1
Composição 1_1

Dia 26 de agosto, sexta-feira, a comunidade de Bariri se reuniu para celebrar os 25 de anos de ordenação sacerdotal de Padre Marcelo Aparecido de Souza, 50 anos. Ele foi ordenado em agosto de 1997 e os primeiros 10 anos como sacerdote passou em Bariri, na Paróquia de Nossa Senhora das Dores.
A programação do Jubileu de Prata teve início com missa de ação de graças, às 19h, na Igreja Matriz. A celebração contou com a presença do bispo auxiliar de São Carlos, Dom Eduardo Malaspina; de padres locais – Ériko Nogueira, Carlos Menezes Jr. e Leandro Pimentel; de padres companheiros – Jorge Nahra; Ferdinando, Jéfferson e Carlos; dos diáconos Augusto Ferrari e Jamil Stefanutto; de seminaristas e de familiares do homenageado.
Foi um momento de reencontro e recordações, com a presença de antigos companheiros e amigos entre os fiéis presentes, os participantes da liturgia e os integrantes do coral.
Destaque para a reedição de um ritual muito apreciado por ele: a procissão de entrada da Bíblia, com coreografia de crianças da catequese.
Após a missa, Padre Marcelo foi surpreendido por confraternização no Restaurante Sucata, com cardápio especial e música ao vivo.
Após passar os 10 primeiros anos de padre em Bariri, o sacerdote deixou o Brasil. De 2007 a 2009, fez mestrado em Missiologia em Roma, na Pontifícia Universidade Gregoriana.
Quando voltou, Padre Marcelo foi pároco da Matriz de São Bento de Araraquara e coordenador diocesano de pastoral.
Atualmente, é reitor do seminário São João Paulo II. No dia 5 de agosto, tomou posse como pároco reitor da Paróquia Santuário São Pio X, em São Carlos, acumulando as funções com a reitoria.

Foi um momento de reencontro e recordações, com a presença de antigos companheiros e amigos entre os fiéis presentes.

Da redação